Krakatoa: o que pode acontecer com a atmosfera terrestre após a erupção deste vulcão

Presente em uma ilha situada entre Sumatra e Java, o vulcão Anak Krakatoa entrou em erupção no dia 10 de abril de 2020. De acordo com agências de notícias internacionais o fenômeno não afetou a população local. Dois dias depois, contudo, constatou-se a existência de atividade vulcânica na região. A intensidade do que se viu no local, segundo informações reportadas pelo Portal Terra, era elevada e contínua.

O vulcão em questão se originou de um outro, cuja erupção na década de 1980 ocorreu de forma violenta. Dentre as consequências de tal ocorrência, verificou-se uma fase em que a atmosfera sofreu resfriamento. A extensão disso, entretanto, extravasou a área em que teria ocorrido a erupção, estendendo-se por todo o planeta. Com base no que já se constatou sobre atividades vulcânicas, espera-se que outras venham a ocorrer em um breve período de tempo.

Alguns sinais indicam que um determinado vulcão já está em estado de erupção. Uma formação meteorológica específica costuma surgir logo acima desses locais. Trata-se da “pirocumulus”, que é popularmente conhecida como “nuvem de fogo”. O tipo de nebulosidade mencionado ocasiona muitas rajadas de ventos, além de trovões. Isso acontece por conta de fragmentos de rochas que atingem a atmosfera. Os raios são formados por meio do atrito entre os pequenos pedaços rochosos em suspensão no ar.

Os chamados “aerossóis vulcânicos” costumam atingir até mesmo as camadas atmosféricas mais profundas, como a estratosfera, por exemplo. Essa alteração na camada gasosa que reveste a Terra altera alguns processos naturais. As principais modificações são vistas, sobretudo, em relação às temperaturas. Além disso, estas partículas podem circular por meio de correntes de ventos que se estendem por até dois anos.

Tais aerossóis possuem uma formação com capacidade para reflexão da luz solar. Assim sendo, a energia que deveria atingir o solo terrestre perde parte de seu calor. Com isso, a temperatura terrestre sofre uma diminuição, já que a própria luz do sol começa a chegar mais enfraquecida à Terra. As plantações costumam sofrer impactos significativos, sobretudo quando se tratam de vegetais que se desenvolvem melhor em climas quentes.

Saiba mais:

https://www.terra.com.br/noticias/climatempo/efeitos-de-erupcoes-vulcanicas-na-atmosfera,769190190ec8b3126b8aaf9bb8200c9cgvgkvrdg.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *